top of page

ausência

o dia todo

ela

em tudo

dentro de mim

dentro desse dia

nublado, frio e úmido

esperando um temporal

e ela não veio

 

o dia inteiro

ela

ela nessa música que está tocando

‘e tudo que eu posso te dar é

solidão com vista pro mar’

no gosto da mousse de chocolate

no amargo do analgésico

que nem serve para essas dores todas

que me doem

que me lembram

a ausência dela

 

o dia que não acaba

ela

a tarde cai

me carrega

sem tino

sem rumo

para nenhum lugar

eu estática diante do dia que finda

a noite que chega

eu

quase sem respiração

e dela nada sei

 

o dia foi

ela

profundo

inutilmente triste

e na madrugada quieta

eu

sem sono

sem sonhos

exausta

e só...


música incidental - eu não sei dançar - Marina Lima


foto: ferro banhado em cobre 'volante'- Lygia Pape - 1999

19 visualizações0 comentário
bottom of page